< voltar

Puerto Real ganha VLS para instalação de umbilicais da Malha Óptica da Bacia de Santos

O navio Puerto Real recebeu, em junho, um equipamento vertical lay system (VLS), que será utilizado na instalação dos umbilicais ópticos na fase final do projeto de implantação da Malha Óptica Submarina da Bacia de Santos. Fabricado pela holandesa IHC e adquirido na Escócia, o VLS tem 85 toneladas de capacidade e agiliza a instalação de cabos, diminuindo os riscos de rompimento desses componentes durante sua implantação. A operação – que, na prática, transformou a embarcação de MPSV (Multipurpose Supply Vessel) em PLSV (Pipe Laying Support Vessel) – demandou um complexo projeto de engenharia, desenvolvido e gerenciado pela Blue Amazon.

Para que as modificações fossem bem sucedidas, foi necessária uma série de cálculos e ajustes, envolvendo, entre outros detalhes, os sistemas de manutenção do posicionamento empregados pela embarcação durante suas operações, levando em conta novas condições, como o acréscimo de peso pelo novo equipamento, área adicional sujeita à ação do vento etc.

Com sua nova configuração, o Puerto Real vai participar, em seguida, da fase de instalação dos umbilicais ópticos submarinos da Malha Óptica da Bacia de Santos, projeto a cargo da Blue Marine Telecom, que como a Blue Amazon faz parte do Zmax Blue Ship Group. Os umbilicais farão a ligação entre o tronco principal da malha – já concluído e testado (leia aqui) – e as 13 unidades offshore de produção de óleo e gás atendidas pelo projeto.

O Puerto Real participará, também, das campanhas de instalação em outro grande projeto semelhante a esse e envolvendo as mesmas empresas: o da Malha Óptica Submarina da Bacia de Campos, cujas operações já se encontram em fase inicial.